Seguidores

terça-feira, 30 de outubro de 2012

No silencio da noite!


Nunca o céu me parecera tão profundo,
as estrelas tão brilhantes
Um mundo misterioso desperta
a solidão e o silencio.
No ar toques leves,ruídos imperceptíveis,
como se ouvisse galhos crescerem,
relva repontar.
Ouço um grito longo e melancólico
vindo do lago que reluz mais abaixo.,
subindo ondulando até mim.
Neste momento uma bela estrela cadente
deslizou sobre minha cabeça
na mesma direção do grito
com se a queixa que eu acabara de ouvir
trouxesse consigo uma luz
Pensei comigo,deve ser
uma alma entrando no paraíso
Olhei encantada e vi muitas estrelas juntas
nunca tinha visto tantas ao mesmo tempo
seguiam em uma marcha silenciosa
dóceis, como em um enorme rebanho,
e por um momento tive a impressão
que uma dessas estrelas,a mais brilhante
extraviou-se e pousou em meu ombro.
No bosque a minha frente
percebi surpresa e maravilhada
centenas de alados plumosos
entoando suave melodia
e em um galho cantava
uma saracura empoleirada.
Nunca senti tanta paz
e tanto deslumbramento...

domingo, 28 de outubro de 2012

Arrefecer teu calor



Gostaria de ser a chuva
e deslizar pela tua face
ir de encontro aos teus lábios
para beijar-te
Gostaria de ser a chuva
e cair em teus ombros
e deslizar pelas tuas costas
Gostaria de ser a chuva
escorrer pelo teu corpo
másculo refrescando o teu desejo
gostaria de ser a chuva
que molha teu corpo e
levar junto comigo teu
cheiro
com minha paixão intensa
gostaria de ser a chuva
que molha o teu interior
e evapora-se no calor
desta nossa loucura
gostaria de ser a chuva
fraca ou muito forte
e cair sobre ti
e escorrer de prazer
Tu és o meu chão
que sedento me espera
me consome e me devora
gostaria de ser a chuva
que lava tua alma
e te encher de prazer

sábado, 27 de outubro de 2012

Obrigada Iara...nunca te esquecerei

 DEDICATÓRIA

À você que carrega a esperança ...
que cuida do seu jardim e o ama encantando ...
ouvindo o sussurro das águas nas pedras verdes...
Quando sentada na varanda, pode ouvir o canto dos pássaros
que espalham  sua algazarra por todas as suas flores ...
À você pessoa cheia de amor, coragem, paixão e força
que vê a magia surgir nas ondas do mar, na luz da lua ...
e me incentivou a escrever sobre o amor com todas as suas magias ...
Um dia, quero me aproximar de sua força...
de sua alegria, de sua paixão, novamente ...
e me guiar pela poesia, entendendo  você,
que luta sorrindo entre os sonhos, emoções e a realidade
que nunca desistiu de ver estrelas se confundindo com elas...
À você amiga que ficou num paraíso...
que nunca desistiu de lutar por si mesma, por sua luz interior ..
À você, até nos encontrarmos um dia ...
todo meu carinho e amizade!
        até lá, se cuide.
iara. 




 

QUIMÉRICO



Amo o homem que existe dentro de teu poema
Aquele romântico que descreves tão bem em teus versos
aquele que ama acima de tudo,aquele homem sensível
que ama flores ,pássaros e que jamais seria capaz de trair..
Aquele homem que ama intensamente
Que oferece flores
Que  gosta de jantar a luz de velas
O perfeito cavalheiro amoroso...
Amo aquele homem que insistes em apresentar
nos textos...
Falas de amor como se fora capaz de amar...
mostras uma imagem que não existe
falas sobre as mulheres como se as venerassem
Como se a respeitassem...as seduz...com palavras
que todas querem ouvir...sabes exatamente o
momento certo para a palavra certa.
No entanto ...a realidade é bem outra...
é exatamente o inverso...
Pobre de ti homem insensato..
nunca será amado de verdade
pois nunca tiveste a coragem de ser tu mesmo
Só te mostra verdadeiramente,quando pensas
já ter conquistado todos seus objetivos...
Mas na verdade nem sabes quem és....
Te perdeste nas mentiras...nos faz de conta...
Acreditas nas próprias ...
E quando já saciado no seu prazer...
Quando já sente-se absoluto,
Perturbado...deixa a face criada
cair por terra...e surge seu verdadeiro eu
Pobre de ti homem infiel...
Sua psicopatia fere....faz sangrar
Pobre de ti....homem sem amor
Seu beijo doce sangra....
Sua possessão aprisiona
Ah...doce ilusão...
que pena....
que pena...
Ah...pobre amor
da minha vida...
nunca conhecerá 
a verdadeiro
sentido do amor...

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Presente da querida amiga Dorli (Lua Singular)

Um poema para ti Verinha



Deus quando criou o mundo, oscilou
Deu beleza total à Verinha e não exitou
Fez teus cabelos negros como a noite
Lisos e irrequietos como o ar inebriante

Teu sorriso destrói qualquer calamidade
Teu olhar é de mulher sensual, apaixonante
Teu carisma é de mulher total, é peculiar
Mulher que faz parar a guerra ao desfilar

Tua pele é alva como um iceberg que rolou
Para um oceano bravio de um verde azulado
Que alguém, com certeza, avistou e a salvou
Trazendo-a para terra firme e ficou abobado

Quem tem uma mulher como essa Verinha
Deverá ficar vinte e quatro horas a seus pés
Pois escultura em estupefação como esta
Escultor não a fará mesmo estando nos céus
Lua Singular
 
 
Querida Dorli!!
 Fico  emocionada e feliz com sua homenagem
Obrigada ,querida ,Do fundo do coração.

vera portella
 
 
 

Aíla Sampaio,escreveu... e eu amei

  ...

Como se




Conheço cada centímetro do teu olhar,
as cores todas do arco-íris
que ele desenhava
em meus cabelos,
quando teus dedos neles amanheciam
feito pássaros pousados.
Conheço cada milímetro do teu corpo,
as infinitas versões do amor
que desenhávamos
nos lençóis
e as das que ficaram para depois,
subtendidas nas promessas que não nos fizemos.

Olho-te  e sinto
como se te conhecesse desde sempre, 
como se te pertencesse de antigamente a minha história;
como se, saídos de dentro do tempo para o infinito,
 tivéssemos nos acolhido definitivamente,
depois de tantos séculos um do outro perdidos.

AílaSampaio

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Suavidade



Alma pura ,sem maldade
Acalenta sonhos mágicos
Doces desejos de felicidade
Como flores coloridas
em um jardim adubado
Floresce com alegria
em seu mundo encantado
Alma pura, sorridente
como pássaro livre
canta com ternura
para seu bem amado
Seu coração não
conhece o pecado
É natureza pura
trazendo esperança
para quem procura.
Alma pura...suavidade
que a vida cria
um sopro da imaginação
Divino toque do
mais puro amor...
verdadeira como água
da fonte...
como o néctar das flores
em plena primavera...

vera portella

TU e EU


Há dias que pareço estar sonhando
Agora me sinto Menina, realmente
Mais do que nunca
Pois é assim que me sinto
sempre que tu diz que me ama

Me sinto a Menina mais feliz
desse mundo por te ter
Esperei tanto por ti
Desde sempre

Valeu cada segundo
Pois hoje cada desejo contido antes
pode ser expressado
Cada vontade sentida
por ti antes pode ser gritada

E não são poucas minhas vontades
Muito menos pouco meu amor
Você me enlouquece
Você me faz viajar
Me faz criar cenas imaginárias

Seu poder de sedução sobre
mim é gritante
Adoro suas malicias
Adoro ser dominada por ti
Adoro te seduzir todos os dias
Quero sentir isso para sempre

Quero aproveitar sempre
cada minuto contigo
Quero sorrir, chorar,
 sentir prazer,
Paixão... tesão... tudo

Ao seu lado
Para todo o sempre
Meu grande amor
Único amor de
toda minha vida.

Nem todos os anos juntos
Conseguiram diminuir
a atração louca 
e o amor que
existe entre tu e eu!

vera portella
 

MAIS PRESENTE....Obaaa

Obrigada de coração... amigo Eduardo do blog

"rimablogeutedouumaflor.blogspot.com/"

e  amiga do blog

http://nandamusicpoesia.blogspot.com.br/
pelo gracioso presente
 


NORMAS A SEGUIR
1 -  Agradecer  ao blog, que te premiou.
Obrigado blog rimablogeutedouumaflor.blogspot.com
e http://nandamusicpoesia.blogspot.com.br/

2 - Partilhar 7 coisas sobre ti,
para te conhecerem melhor.



           Gosto
Dançar
Poesia
viajar
flores
pássaros
Mar
Lua
banho de rio
churrasco

 3 - Partilhar o prémio, com outros 15 blogues e notificá-los.
Os nomeados são:


 http://cheiro-de-poesia.blogspot.com.br/
http://rosesousacoracaodefera.blogspot.com.br/
http://zilanicelia.blogspot.com.br/
http://poramorr.blogspot.com.br/(Pedro)
http://menina-voadora.blogspot.com.br/
http://iaravilella.blogspot.com.br/
 http://poesiasinval.blogspot.com.br/
 http://magiaprazer-quasarh.blogspot.com.br
 http://cronicasdeumameninafeliz.blogspot.com.br
 http://auroraseocasos.blogspot.com.br/
http://dependentwomen.blogspot.com.br

Agradeço ao Edu  o carinho para comigo... eu achei muito legal e peço que fiquem a vontade para aceitarem ou não o divertimento.

vera portella 

sábado, 20 de outubro de 2012

Paixão...


Como em um sonho...
chegas devagar
Seu rosto sedutor...
olhos que me despem
sem nenhum pudor.
Sinto o calor de seu
corpo antes mesmo
que me toques...
Seu perfume másculo
e embriagador toma conta
de meu ser sedento de ti.
Vais me enlouquecendo
com seu corpo
Me devoras...sinto prazer
Ao leve tocar de seus lábios
em meu corpo, estremeço.
Me tomas em seus braços
Nossas bocas entrelaçam
Pele com pele
Mãos perdidas
Desejos encontrados
Tesão incontrolável
Minha imaginação voa
Meus olhos brilham
Minha boca se enche
d água e num delirio
desperado nosso amor acontece
Nos fazendo perceber
que nascemos um para o outro
Tudo em nós é desejo
é paixão...é amor
E nos entregamos sem pressa
como se a eternidade
fosse pouco ...para tanto prazer

vera portella

Presente Inesperado

Estou emocionada!
Minha irmã Gracita do blog "Gracitamensagens.blogspot.com",

meus amigos Eduardo do blog  "http://rimablogeutedouumaflor.blogspot.com.br/ e 

Pedro Pugliese  do blog
http://poramorr.blogspot.com.br

e minha querida Clarice Moreno do blog

"http://poemasversosclarice.blogspot.com.br/2012/10/vivente.html


me presentearam com esse  maravihoso  selo.

O premio Dardos ,prestigiado e dezejado   no mundo dos blogs.
De acordo com as regras devemos exibir a imagem do selo no blog
colocar o link  de quem se recebeu e  escolher outros blogs para receber o SELO DARDOS.

Essa é a parte difícel...mas
vamos lá...

            Coração Tagarela  (Sinval)
           Sonhos e Amores (Iara)
           sol do amanhecer (claudio)
    espelho da Alma (soninha)
           IN-FELIS (felisberto)
     Maria Machado (dalvenir)
Lua singular (Dorli)
 Afrodite Deusa do Amor   
Bicho do Mato (Marcos)
 Autora LiBarbosa
 

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

OBRIGADA VIVIANI...Pelo Carinho





TER PARTICIPADO DO PROSA FOI UMA HONRA,VER MEU POEMA JUNTO AOS  DE TANTOS NOMES IMPORTANTES È ALGO INDESCRITÍVEL,UMA FELICIDADE SEM IGUAL...MAIS UMA VEZ...
OBRIGADA,QUERIDO ESCRITOR VIVIANI...DEUS O ABENÇO-E SEMPRE!

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Saudade boa....

  Mergulhei nas águas
profundas da saudade
Me despi da realidade,
e me vi dentro de meus sonhos
sonhos esses ,sempre vivos dentro de minha alma
Me dei a chance de reviver momentos
inesquecíveis, as vezes quase
esquecidos pelo tempo....e o dia a dia.
Cavalguei pelo vales verdes de
minha adolescência...
Senti a brisa fresca , vinda
do capão, próximo ao
arroio de águas límpidas,
enfeitadas pelas pétalas do
ipê rosa plantado por mãos amorosa
Vi a saracura cantando empoleirada
e ouvi bem de perto...ali no banhado.
Ao chegar perto da casa grande e antiga
Ainda pude sentir o cheiro
de bolo de milho vindo da cozinha
Vi o fogo de chão e o peão com o cabelo
enfumaçado...assando um novilho
Tomei banho de açude
ao lado de gansos brancos...
e observei a tartaruga preguiçosa
sobre a pedra...
Encontrei "aquela garota" sonhadora
grudada as crinas de seu  cavalo amigo,
sonhando com seu príncipe encantado
Ela estava lá...embaixo daquele céu azul
com o rosto corado e acreditando
que tudo nunca iria acabar...
Galopava feliz...com os cabelos ao vento...
espantando o  pequeno rebanho
que pastava silencioso...
Eu a via,com os olhos da saudade...
Até ouvia o toque da viola
vindo lá do galpão....
Foi então...que me perguntei...
Onde ficaram seus sonhos???
Para onde a levaram??
Onde andará aquela menina
E respondi a mim mesma...
Encontre-a em seus poemas...
Ela sempre lá  estará ...dentro deles
Ou aqui...nesse lugar
É só a procurar com os olhos
da saudade....e se observar atentamente
com os olhos da magia...
conseguirá  ouvi la converssar
 animadamente, com seu príncipe imaginário,
sobre a relva úmida e cheirosa
cheia de flores do campo...



vera portella

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Para sempre...

Ao olhar encantado da menina
O príncipe chegava...
E entre flores e aromas..a tornara sua
Na relva doce e macia...olhando o céu anil
Era pura poesia...carinhos mil
Naquele momento ela se apaixonara
E percebeu que seria sua eternamente...
Sua maneira doce e atraente a
conquistara para sempre...
Os anos se passaram e o amor só aumentara
Menina agora mulher...cheia de encantos e paixão
Com ele tudo aprendeu... sobre amor e doação
Ao seu príncipe encantado doou seu coração.
O príncipe enebriado pelo amor
Fez dela sua mais doce paixão...
tem amores que é pra sempre
Quando nasce no coração...
Poeta encantador...
da menina romântica serás
sempre , seu único
e grande amor!

Vera portella

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Almas felizes


Quando no aconchego dos teus braços
ouvindo sussurrar que me amas...
esqueço todo o resto do mundo.
O universo torna-se pequeno
Sinto tuas mãos percorrer meu corpo
inteiro e com loucura me entrego
toda...o amor que nos une é tão forte
tão grande, que as vezes pensamos
estar enlouquecendo...
é um desejo intenso, imenso,insano,
tomando...
nosso ser por inteiro...
Quando me amas,me tomas,olhando
em meus olhos...
olhando meu rosto...
sinto um calafrio
em minha alma...
e te entrego meu corpo feito louca
não querendo que esse momento
tenha fim...
me olhas com tanto desejo
com um calor em teu olhar
que me sinto tão tua...
tão nua...parecendo flutuar...
entre tuas mãos precisas e quentes.
Ah...meu grande amor...
te ouvir gemer meu nome...
gritar que me queres
Quando pedes que eu me mostre...
É o próprio paraíso...
E assim...eu e você
Perdemos a noção do tempo
e cavalgamos pelos belos jardins
do prazer e o amor...
até desfalecermos um
nos braços do outro...
agarrados...extasiados
de tanto   querer...
falando num fio de voz...
te amo... amo...te amo!
Minha Louca paixão...

vera portella

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Olhar feliz

Céu sereno,nítido e azul.
Uma fresca aragem sopra
suavemente, estremecendo nos ares,
anunciando a aurora preste a
percorrer o caminho do céu
e romper no ouro do astro rei.
A natureza esta bela,
é uma aurora de primavera,
digna do céu dos apaixonados.
As flores começam abrir
seu belos matizados e odorosos
cálices...
Alados habitadores dos floridos prados
sacodem suas asas umedecidas ,retinem e
encantam a suave madrugada
É pura alegria e é aqui
que vou ancorar minha felicidade....

vera portella